Bad Blood | 8° Capítulo.


Cinco dias depois...
- Vocês não tem nada! Nada sobre esse caso. – David gritava. – Uma garota foi morta em uma piscina privada em uma universidade popular, esse país inteiro quer respostas, outra garota desapareceu e vocês estão tratando esse caso como se fosse um roubo numa padaria no subúrbio. – David nos olhou, pela primeira vez em silencio. – Eu quero respostas, todos querem uma porra de uma resposta! Um culpado, uma prova. As pessoas querem justiça em cima da garota Lily.

    David pegou um lenço e limpou seu rosto que suava.

- Faz quatro dias que Taylor Swift desapareceu, ela conhecia Lily, elas nadavam juntas. O que acham disso? – Ele nos perguntou. – Eu vou enrolar por mais alguns dias, eu confio no trabalho de vocês. Mas eu quero competência, por favor, pela primeira vez nesse caso mostre a mim competência ou esqueçam tudo: promoção, cargo, tudo.

    Continuamos em silêncio até David ir embora, quem o acompanhou foi o Jared, que estava em outro cômodo, mas era possível escutar com os gritos. Seria comum revidar esses gritos, mas eu mesmo sei que estou completamente errado, pela primeira vez na minha profissão eu vejo se passar uma semana e não ter uma digital, um fio de cabelo. A pessoa que eu poderia conseguir alguma coisa sumiu e levou seu celular. Tínhamos que começar do zero, mais do zero do que já estávamos e ver o que deixamos passar, fazer novamente a limpa em tudo que vimos.

- Johnny? – Jared me chamou para a cozinha.
- Fale. – Respondi.

    Jared estava mais branco do que de costume, ele foi ate a bancada e se encostou.

- Essa garota... Taylor Swift sumiu mesmo ou? – Jared perguntou.
- Ela sumiu e ninguém sabe quando exatamente, mas não esta por aqui. – Respondi. – Por quê?
- Por nada, eu só estou achando confuso tudo isso. – Jared.

***
   Logo que fechei a porta tudo ficou escuro e um cheiro de mofo forte, as cortinas fechadas, janelas trancadas. Parece que nessa casa não entra um ar deste quando esses garotos chegaram. Logo minha rinite alérgica anunciou os espirros constantes e uma irritação pelo nariz. Com medo de cair, fiquei parada, procurando meu celular dentro da bolsa com uma mão, enquanto a outra equilibrava o café duplo. Assim que peguei meu celular, era 09h00min da manhã, iluminei a sala de estar ate a escada e fui seguindo a minha própria luz. Cheguei na porta de Liam, antes de abrir escutei uma voz, muito semelhante por sinal.

- Eu vou voltar para minha casa e mais tarde conversamos. Te amo.

    Era Cher, antes que eu pensasse em sair correndo dessa casa ela abriu a porta. Virei-me para trás e abri a porta que ficava em frente ao do Liam.

- Demi? – Cher me reconheceu.
- Cher, o que faz aqui? – Perguntei dando um sorriso.
- Meu namorado mora aqui e você, o que faz aqui? – Cher disse mudando de humor.
- Digamos que a mesma coisa. – Dei um sorriso, tentando ser sincera.

    Empurrei a porta e Joseph saiu de toalha na cintura, continuei com um sorriso no rosto. Ele parecia assustado com a situação, já que tinha três pessoas olhando para ele e uma delas sorria quando odiava estar no mesmo lugar que ele. Olhei para o café e disse:

- Trouxe para nós dois. Ainda que bem que já tomou banho.
- Demetria... Eu não... Entendi. – Joseph disse totalmente confuso.
- Ontem eu avisei que passaria aqui pela manhã ou você estava tão bêbado que não se lembra? – Falei, tentando improvisar a situação. – Meu Deus, não é a primeira vez que isso acontece Joe. – Olhei para a Cher e fiz uma cara triste.

    Empurrei Joseph para dentro do quarto e não pensei duas vezes antes de beijar ele, ele não retribuiu o beijo de inicio. Logo que entrei, fechei a porta e empurrei-o, soltei minha bolsa em cima da sua cama junto ao café. Corri ate a porta e tentei ouvir o que Cher dizia.

- Demetria, pode me explicar o que estamos fazendo? – Joseph disse, em seguida pegando o café que seria para o Liam. – Estamos atuando novamente?
- Cala a boca e larga isso ai. – Dei um grito mediano. – Não me irrite.
- Te irritar? Você veio ate aqui, bateu na minha porta, me deu um beijo sufocante e está no meu quarto onde estou pelado. – Joseph.
- Você não está pelado e só foi um improviso. – Falei indo para a janela do seu quarto.
- Tem certeza que não?

     “Que merda! Só acontece merda nessa republica! ”, pensei comigo mesma. Olhei para Joseph de cima a baixo e ele tinha tirado sua toalha, ficando totalmente nu em minha frente. Dei uma risada e passei a língua entre meus lábios.

- Joe, antes de ter orgulho de mostrar isso. Você deve melhora-lo.
- Você acha? – Joseph me perguntou enquanto se olhava ao espelho. – Não era isso que você achava, no final do ensino médio, quando te levei ao baile. Oh Demetria, temos uma história tão linda.
- Joseph, você é um nojento e a única historia que temos é aquela que você é um idiota.
- E aquela que você ainda me odeia por ser um idiota. – Joe. – Então, o que está acontecendo por aqui? Não vai me explicar o que aconteceu?
- Não tem explicações, apenas faça sua parte quando eu entrar aqui. – Falei.
- Algo me diz e eu acredito que estou certo é que: você está dormindo com o Liam, enquanto ele namora sua própria irmã. – Joseph disse, logo começou a rir. – Demetria dos céus, como você pode fazer isso? Sua irmã não faz a mínima ideia disso. – Ele começou a me encarar com um sorriso bobo. – Você transa com Liam de manhã aqui e depois ele vai lá beijar sua irmã. Puta que pariu, ele nunca me contou isso.
- Ele não é fofoqueiro como você! – Falei brava. – Você tem nada a ver com isso.
- Não tenho nada a ver? Você me beijou e está falando que tenho que entrar nessa novela. – Joseph ficou quieto e começou a se vestir. – Ou entramos em um acordo ou eu saio daqui desse quarto, vou atrás da sua irmã e digo tudo que eu sei.
- Cher jamais acreditaria em você, ela confia em mim com sua vida.
- É uma surpresa nós dois no mesmo lugar, ela sabe disso. – Joseph. – A vida dela deve valer tão pouco para confiar em uma irmã diabólica como você.

    Quando ele terminou de falar com um único impulso o empurrei na parede dando um tapa em sua cara. Eu poderia tentar explicar como tudo aconteceu, mas ele não merece nenhuma explicação sobre minha vida.
    Ele segurou meus pulsos com tanta força que minhas pulseiras começaram a me machucar e em volta de seus dedos ficarem vermelhos. Tentei empurrar ele e me jogou na cama.

- Temos um acordo ou não? – Joseph.

2 comentários:

  1. MIRELA QUE SAUDADES, VC MERECE UMA SURRA PORÉM EU TE AMO E NÃO CONSIGO TE BATER ♥ ♥
    Eu amo tanto Bad Blood e já quero uma maratona para compensar esse tempo que você não postou, e falo muito sério. E depois quero dizer que você toda vez que posta ( TODA VEZ ) me deixa com o c* na mão de tanta ansiedade, porque só você consegue fazer isso comigo!! Onde isso de Demi e Joe vai dar? S.O.S e eu só estou imaginando toda essa cena com ele nu sfhdgjlsdjg meu deus, eu não presto!!! ~voz do meu pai: só pq vai fazer 15 anos mês que vem acha que pode falar tudo~ E O QUE PORRA ACONTECEU COM A TAYLOR? O QUE? O QUE? O QUEEEEEEEEEEEEEE? Ela sumiu porque fugiu ou ela sumiu por outra coisa? Dona Mirela deixa de suspense ou eu irei morrer! Ta tudo mto lindo e eu preciso ( PRECISO ) de mais, então trate de postar logo. Amo você e estou morrendo de saudades ♥
    Uma observação: Eu amo você, obrigada por postar mais um capítulo e agradeça a minha mãe por ter me comprado um celular novo! Mas aquela bosta só aceita micro daí eu fui inventar de cortar o meu eu mesma e é claro que deu errado... ljgfhs' então este é meu novo número ( 75 97012835 ) e acho de muito bom gosto que você me chame no whats.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. ME PERDOE, EU PEDI VARIAS DESCULPAS JÁ. Eu já lhe contei que pode existir uma possibilidade de ter sim uma maratona, porem depende bem quando e dos meus leitores.
      Jemi é bem obvio não? Não, claro que não, eu sempre consigo mudar as bolas aiojdag. Vish minha filha não morra porque vai ser revelado muitas coisas e eu não vou contar nadinha, nadinha-dinha. Vou postar logo sim, pode deixar.
      Me passa o numero da sua mãe que eu vou sim agradecer ela e eu disse que eu já fiz essa burrada de cortar chip, duas vezes kkkkkkkkkkkkkkkkk. Ah, eu chamei assim que eu vi seu comentário que foi na madrugada. Te amo.
      xoxo, Bonnie (gyllenswift.blogspot.com)

      Excluir

LAYOUT E CODIFICAÇÃO POR ROH A. RAMOS DO BLOG | GNMH © 2017 - 2018